Noz – Pela sua saúde – Rubrica da Nutricionista Joana Malheiro

Já repararam que a noz é idêntica morfologicamente ao nosso cérebro? E sabem porquê?

Ela é um dos frutos secos oleaginosos, naturais do Outono, mais nutritivos, pois para além de ser uma fonte de proteína, é uma fonte de gordura monoinsaturada e polinsaturada, destacando-se o ómega 3 e 6. Estas gorduras são gorduras essenciais, porque para além de comporem o nosso cérebro, o nosso organismo não os consegue sintetizar, o que implica que tenhamos de os consumir diariamente.

Para além da gordura, a noz contém minerais e vitaminas, como o zinco, cobre, potássio, magnésio, fósforo, ferro e zinco e as vitaminas B1, B2, B5 e carotenos.

É ainda rica em melatonina, que ajuda na regulação do sono.

Apesar de a noz ser um alimento muito nutritivo, é bastante calórico, contendo cerca de 607 Kcal por 100g, daí que deve ingerir em quantidades moderadas, sendo recomendada a ingestão média de 5-6 nozes por dia.

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.