Interpretes FC2019: Madrepaz


[Intérpretes convidados por Frankie Chavez]

Nuno Canina, Pedro da Rosa, Ricardo Amaral e João Barreiros, são as quatro asas da libelinha, o símbolo escolhido para representar a banda lisboeta Madrepaz. A história do baterista Canina e do guitarrista Pedro da Rosa começou n’Os Golpes e teve continuidade em bandas como The Mighty Terns e Armada. Nestes últimos Ricardo Amaral era guitarrista. Pedro, Nuno e Ricardo encetam um processo de reflexão que os levou a uma nova visão da identidade do grupo e do tipo de música e mensagem que iriam partilhar. João Barreiros viria a juntar-se nas teclas na reta final de 2015 e, juntos, chamaram à sua música pop xamânico português.

O primeiro disco “Panoramix” foi editado em 2017 e o segundo, “Bonanza”, em 2018. Ambos figuram nas listas de melhores discos do seu ano de edição. Ao vivo o seu espetáculo é caracterizado por uma forte componente cénica que implica trabalhos requintados de vídeo e iluminação.

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.